Mia Couto sobre o mundo: “Há quem tenha medo que o medo acabe”. Veja o vídeo

mia_couto

“Para fabricar armas, é preciso fabricar inimigos. Para produzir inimigos, é imperioso sustentar fantasmas”. Quem faz o alerta – um verdadeiro chamado à consciência – é o escritor moçambicano Mia Couto, num belo texto sobre o mundo atual, as guerras e um sistema que vem penalizando todo o planeta. Veja o vídeo abaixo.

Compartilhe este artigo com seus amigos.
Share on FacebookEmail this to someoneTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
,